terça-feira, 29 de maio de 2012

Admitir a nossa própria Impotência diante do Mundo

Perdoar a si mesmo,tarefa difícil!
Admitir a própria impotência.Sozinhos nada somos,somos um eco.
Juntos podemos,pelo bem comum.
Somos da raça humana,vamos aperfeiçoa-la.

Há coisas que não consigo deter,então choro...
Mas se consigo pelo menos falar e influenciar,então falo.Mostro.
Luto,ainda que inconsciente e mesmo sem saber como,com que armas.

Importante que se exercite a compaixão,o homem enquanto homem.Enquanto animal em desenvolvimento.

Nenhum comentário:

Postar um comentário